Tipos de pele: descubra se a sua é oleosa, mista, normal ou seca
Mariana Rita Fernandes

Mariana Rita Fernandes

Tipos de pele: descubra se a sua é oleosa, mista, normal ou seca

Tipos de pele: descubra suas características e como identificar a sua

Acertar um creme, serúm ou até mesmo um gel de banho não deve ser uma tarefa complexa: o aroma, a textura e os ingredientes marcam suas propriedades e sempre visam cuidar e proteger a pele. No entanto, podem surgir dúvidas quando as indicações no rótulo se referem a diferentes tipos de pele.

Neste guia, você encontrará todas as informações necessárias sobre os principais tipos de pele existentes e suas características para poder identificar qual é a sua. E você só pode desfrutar de uma pele saudável e bonita se prestar cuidados adequados às suas particularidades.

Como saber que tipo de pele eu tenho?

Para saber que tipo de pele você possui, recomendamos que você siga estas etapas simples:

1. Lave o rosto com água e sabão para remover as impurezas.

2. Seque suavemente com uma toalha para não causar vermelhidão.

3. Aguarde sem aplicar nenhum produto.

4. Pegue um espelho e examine sua pele cuidadosamente, sob iluminação suficiente.

5. Acompanhe as diferentes áreas do rosto em busca das características típicas de cada tipo de pele que mostramos abaixo.

6. Consulta com o dermatologista, que irá prescrever a rotina de cuidados diários com a pele de forma correta.

Quais são os principais tipos básicos de pele?

Existem quatro tipos principais de pele: seca, oleosa, mista e normal. É algo que é determinado pela nossa genética, mas que também pode sofrer alterações ao longo do tempo e a influência de fatores externos, como poluição, temperatura e até estresse ou nosso próprio estilo de vida. Embora não pareça, dieta, exercício ou qualidade do sono influenciam a condição da sua pele.

Características da pele seca: quebradiça e firme

É um tipo de pele que carece de água: não gera lipídios suficientes para criar o escudo de pele que deve protegê-la. A pele seca é caracterizada por:

• É quebradiça, tensa e fina. É áspera ao toque.

• Tende a se irritar facilmente e a ser afetado em maior medida por agressões externas até descamação.

• Promove o aparecimento precoce de rugas, portanto, se for o seu tipo de pele, observe-as com cuidado.

• Existem diferentes graus de pele seca, dependendo de quão avançada é a desidratação. Por exemplo, se você tem escamas visíveis, manchas, rachaduras ou até parece envelhecer mais cedo, estaremos falando de pele muito seca ou extremamente seca.

O que há por trás da pele seca? Além da genética, as causas podem estar relacionadas ao clima (falta de umidade e frio são grandes aliados desse tipo de pele), mas também com o uso de produtos cosméticos com excesso de produtos químicos entre seus ingredientes. A pele madura tende a ser mais seca, mesmo em pacientes que tinham pele oleosa.

O que define a pele oleosa? Brilho e textura irregular

Na pele oleosa, encontramos a situação oposta à anterior: esse tipo de pele produz um excesso de sebo que a cobre, espessando o filme que atua como uma barreira cutânea. 

As principais características da pele oleosa são:

• Brilhos e excesso de óleo são visíveis na superfície da pele.

• Sua textura é irregular, com presença patente de poros dilatados.

• É espessa e pálida, propensa a impurezas como cravos e / ou grãos.

• Rugas atrasam sua aparência na pele oleosa.

A genética desempenha um papel fundamental em ter esse tipo de pele. No entanto, sua aparência está geralmente ligada a alterações hormonais, principalmente durante a adolescência e / ou gravidez.

Outros fatores que favorecem a pele oleosa são o estresse, alimentação, certos medicamentos e, é claro, o uso de produtos cosméticos comedogénicos e maquiagem. Estes entopem os poros da pele e facilitam a geração de cravos.

Pele mista: a combinação de vários tipos de pele

Quando falamos de pele facial, é comum dividi-la em partes e analisá-las separadamente. A zona “T” é aquela que é desenhada horizontalmente na testa e corre verticalmente em direção aos lábios através do nariz. O tipo de pele pode ser diferente se olharmos para esta área ou para outros pontos do rosto. Se isso acontecer em nosso rosto, temos uma pele mista que combina vários tipos de pele.

A distribuição mais frequente dos tipos de pele é geralmente:

• A pele da zona “T” tem uma tendência a ser oleosa, principalmente na testa, nariz e queixo. Aqui você pode ver características típicas da pele oleosa, como poros dilatados, brilho, cravos ou outras imperfeições.

• As bochechas, por outro lado, têm a pele seca ou normal.

Em face da pele mista, você sempre pode escolher, junto ao dermatologista, produtos versáteis que se adaptam ao cuidado de diferentes tipos de pele. 

Pele normal: o equilíbrio da tez

A pele normal é uma que possui um equilíbrio saudável: é macia e elástica, os poros são pequenos e quase imperceptíveis e não podem ser vistas grandes imperfeições. Se é o tipo de pele que você encontra no espelho, você está com sorte: você tem uma pele resistente, que suportará pequenos deslizamentos em sua rotina de beleza.

No entanto, a pele normal também exige cuidados. É essencial hidratá-lo e protegê-lo para que se mantenha saudável ao longo do tempo e preste atenção aos sinais que mostram uma mudança em direção a outro tipo de pele ou àquelas relacionadas ao seu envelhecimento.

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Compartilhar no print

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Open chat
Powered by